Semifinalista 3: Anjo das ondas

João Gilberto Noll tem sido figurinha carimbada em premiações gaúchas. Em dois dos últimos três anos, faturou o Prêmio Açorianos, inclusive com o livro que está em campo aqui. No Gauchão, vem mantendo o bom desempenho e coleciona vitórias – embora ainda não tenha empolgado. Agora, na semifinal, terá pela frente um adversário de respeito: a atual campeã.

Confira a campanha e tudo que foi dito sobre o Anjo das ondas até agora:

15/8 – JOGO 13 – Anjo das ondas 2 x 1 O império bandido
Juiz: João Kowacs Castro

As frases são belamente desenhadas e a narrativa é livre, oscilando entre a primeira e a terceira pessoa”.

17/10 – JOGO 31 – Anjo das ondas 2 x 1 Os famosos e os duendes da morte
Juiz: Tatiana Tavares

A linguagem fluída de Noll leva o leitor de uma página a outra”.

21/11 – JOGO 43 – Anjo das ondas 2 x 1 Todos morrem no fim
Juíza: Marianne Scholze

Rito de passagem, romance de formação, tudo isso se encaixa ao romance e é como você, leitor contumaz, está imaginando – só que diferente”.

23/11 – JOGO 44 – Suíte dama da noite 1 x 3 Anjo das ondas
Juiz: Rodolfo Viana

Noll acerta a mão ao não tentar explicar o rito de passagem, mas sim a apresentá-lo tal como é: confuso”.

Anúncios
Esse post foi publicado em Pré-jornada. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s